Friday, February 26, 2010

Clarice Lispector

Ocorreu-me de repente que não é preciso ter ordem para viver. Não há padrão a seguir e nem há o próprio padrão: nasço.

Sunday, February 21, 2010

Saturday, February 20, 2010

Sunday, February 14, 2010

Saturday, February 13, 2010

ah, tinha me esquecido desse blog!
ahhahahahahaha!!!!
Eu sempre pulo o carnaval. Ou seja, finjo que não existe. Arghhhhhh...

Friday, February 12, 2010

Thursday, February 11, 2010

Sunday, February 07, 2010

Saturday, February 06, 2010

TÃO FELINO!...



Tão felino, a verdadeira pantera,
Dos meus sonhos de menina!...
E o meu corpo pelo pecado espera
Quando ele me salta em cima...

Sinto-me a bela da história da fera...
Não mais estou só, perdida...
Meu íntimo, convulso, desejos gera,
Do supremo gozo criador de vida.

Ejeta-me no ar como um projétil
Com o prazer que me faz sentir.
Tira-me o ar... não posso mentir,
Que tornou meu ventre campo fértil

Preparado para receber a semente
Que vem desse Apolo nu no meu leito,
Que tateando flores no meu peito
Fez, do meu côncavo, morada permanente...

Thursday, February 04, 2010


No final das contas, há algumas coisas que não dá para evitar de comentar. Algumas coisas que a gente não quer ouvir e algumas coisas que a gente fala porque não dá para segurar mais. Algumas coisas são mais do que você diz, elas são o que você faz. Algumas coisas você fala porque não há outra opção. Algumas coisas você guarda pra você mesmo. E, não raro, às vezes algumas coisas falam por si só.

Monday, February 01, 2010